Header Ads

Image and video hosting by TinyPic

Com estoque 56% abaixo do ideal, bancos de leite do DF buscam doação


Os bancos de leite do Distrito Federal estão buscando doações para aumentar o nível do estoque, que está em torno de 16 mil litros. O número está 56% abaixo do considerado ideal, de 36 mil litros. A limitação do estoque restringe a distribuição de leite apenas aos grupos de bebês internados nas unidades de terapia intensiva.

A meta mínima estipulada pela Secretaria de Saúde no começo de 2016 era arrecadar 18 mil litros durante o ano. Se conseguisse, seria 12% maior do que o arrecadado em 2015, quando os bancos receberam doação de 16,4 mil litros – beneficiando ao menos 9,5 mil crianças. Porém o resultado foi abaixo e pouco mais de 9 mil crianças foram beneficiadas.

Outro número que caiu no período foi o de doadoras. Em 2015 foram 5,8 mil, 7% a mais do que em 2016. Mas essa quantidade representa apenas 10% do total de mulheres que se tornaram mães no período.

De acordo com a coordenadora dos bancos de leite da Secretaria de Saúde, Miriam Santos, nem todas as mulheres produzem mais leite que o necessário, mas as que fazem parte desse grupo, em média, conseguem armazenar 300 ml por dia. Essa quantia é suficiente para amamentar até dez bebês em um único dia.

“Tem mulher que consegue encher três potes de 300 ml em um dia, outras que conseguem um, mas é normal essa diferença. Toda doação é importante”, afirma Miriam.



Como doar leite


A Secretaria de Saúde aconselha que as mulheres que queiram doar sigam algumas regras para poder coletar leite sem riscos às crianças que vão recebê-lo.

Primeiro é necessário higienizar o frasco de vidro que vai receber o leite. Depois é preciso que a mulher lave as mamas apenas com água e então seque com uma toalha limpa.

Para que o leite saia com mais facilidade, o ideal é massagear os seios em movimentos circulares. Após armazenar o leite no pote, é preciso que feche ele bem e o estoque no congelador, mas não pode passar de 15 dias.

Para doar, é preciso ligar para o Corpo de Bombeiros, no número 160, opção 4, fazer um cadastro e agendar o melhor horário para que a coleta seja realizada. Ela sempre acontece de segunda a sexta-feira, pela manhã.

Nenhum comentário

Tecnologia do Blogger.